UVEITE




A uveíte é uma doença inflamatória que atinge a úvea, região do olho composta pela íris, pelo corpo ciliar e pela coroide. Por ser uma camada que se prolonga por grande parte do olho, a uveíte pode ser classificada de acordo com a área afetada.


A uveíte anterior atinge a parte frontal do olho, a intermediária ocorre no meio do olho, enquanto a posterior atinge o fundo do olho e a pan-uveíte que acomete toda a úvea.


Pode ocorrer em 1 ou nos 2 olhos, em pacientes de qualquer idade, sendo mais comum em adultos até 45 anos.


Sua causa nem sempre é conhecida, mas geralmente está associada a infecções por vírus, bactérias e fungos; doenças como toxoplasmose, tuberculose, sífilis, herpes, entre outras; doenças reumatológicas como artrite reumatoide e lúpus; lesões oculares. Quando não identificada sua causa é chamada de uveíte idiopática.


Seus sintomas dependem da parte da úvea atingida e do grau de inflamação.A uveíte anterior apresenta a maioria dos incômodos que são dor intensa, vermelhidão, fotofobia e visão turva. A intermediária costuma ser indolor, a visão pode diminuir e surgirem “moscas volantes” (manchas escuras e flutuantes na visão). A posterior pode causar visão turva,” moscas volantes” e perda da visão, desde um pequeno ponto até a cegueira total.


Embora tenha sintomas parecidos com a conjuntivite, a uveíte não é contagiosa.


Seu tratamento geralmente é feito com colírios, medicamento oral e/ou endovenoso. No entanto é necessário saber sua causa para que seja feita o tratamento não só da uveíte, mas da doença que a causou. Se não tratada corretamente pode levar a casos de glaucoma,catarata,descolamento de retina e cegueira.


O diagnóstico precoce é o maior aliado no tratamento contra a uveíte.


Não se automedique e caso apresente algum dos sintomas, procure um oftalmologista.


Próximo Posts
Posts are coming soon
Stay tuned...
Posts Recentes